Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

Caixa diz que refará propaganda para corrigir “Machado de Assis branco”

Imagem
A Caixa Econômica Federal informou nesta quarta-feira (28) que fará nova versão da peça publicitária sobre os 150 anos da instituição para corrigir a representação de Machado de Assis, que no vídeo foi interpretado por um ator branco. O escritor era mulato.
A campanha, cuja veiculação na TV foi suspensa após ser alvo de críticas e reclamações, pode ser vista no You Tube, clique aqui.
A peça mostra ainda Machado de Assis depositando dinheiro em uma caderneta de poupança e informa que ele fez seu testamento pela Caixa.
Nesta quarta-feira (28), a Caixa informou ao G1 que a produção da nova peça já foi encomendada e que ainda não está definido como será o roteiro desse novo vídeo.
‘Providências para retificar o erro’
De acordo com comunicado divulgado pela Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir-PR), a Caixa comunicou a decisão de refazer a peça em ofício enviado à Seppir na segunda-feira (26).
No documento da Caixa, de acordo com a Seppir-PR, além do “pedido de d…

Governo pede suspensão de comercial de lingerie com Gisele Bündchen

Imagem
A Secretaria de Políticas para Mulheres do governo federal pediu ao Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) a suspensão do campanha publicitária “Hope ensina”, que traz a modelo Gisele Bündchen mostrando a “melhor maneira” de contar más notícias ao marido. Primeiro, Gisele aparece usando roupas normais para falar, por exemplo, que bateu o carro. A estratégia é classificada como “errada” e em seguida a forma “correta” é mostrada: a modelo repete a notícia, usando apenas lingerie. “Você é brasileira, use seu charme”, conclui a peça publicitária, que está no ar desde o último dia 20. A secretaria afirmou que recebeu, por meio da ouvidoria, diversas manifestações de indignação contra a peça. Foram enviados dois ofícios –um ao Conar, pedindo a suspensão da propaganda, e outro ao diretor da Hope Lingerie, Sylvio Korytowski, manifestando repúdio à campanha. Para a secretaria, “a propaganda promove o reforço do estereótipo equivocado da mulher como objeto sexual de seu …
Imagem
Uma norte-americana de Los Angeles, na Califórnia, teve os seus seios grudados durante uma cirurgia plástica e agora se engaja em uma campanha de alerta contra os perigos de se recorrer aos serviços de um cirurgião plástico não credenciado.

Dinora Rodriguez, 40, conta que queria recolocar os implantes nos seios, mas o médico acabou unindo os dois –para ver a imagem. Além de comprometê-la visualmente, a americana sente dores no corpo desde que se submeteu à operação. Ela também teve os nervos e os músculos da região danificados.
O médico também mexeu nas pálpebras da americana sem autorização, e ela não consegue fechá-las mais. Segundo outros cirurgiões consultados, ela terá que se medicar para manter os olhos lubrificados.
“Não sabia que tinha de checar as qualificações do médico, e me arrependo disso”, comentou. A campanha da americana é apoiada pela Câmara Americana de Cirurgia Plástica.

http://www.hnews.com.br/2011/09/americana-sai-da-sala-de-cirurgia-plastica-com-seios-unidos/

O p…

Magreza e beleza: uma clássica combinação

Imagem
Por Emanuelle Romano


manuromanogl@gmail.com
Corte de cabelo, modelo de calça jeans, comprimento da saia. A cada estação, novas tendências desfilam pelas passarelas, tomam as vitrines das lojas, as ruas, os guarda-roupas. A moda, assim, vai marcando diferentes épocas e grupos, lançando novidades ou resgatando o que já foi usado no passado. Após tantos invernos e verões, entretanto, um certo padrão se mantém na crista da onda: ser magra continua em alta, estabelecendo-se, cada vez mais, como objetivo principal de quem quer ser considerada bela. Esse culto à magreza é compartilhado pela mídia e atinge principalmente as mulheres. Sofremos mais a exigência de nos enquadrarmos nos padrões de beleza presentes nas revistas, na publicidade, na TV, entre outros meios. Na sociedade moderna, o corpo magro parece ter se tornado uma chave para a felicidade e para a conquista amorosa. Mas será que sempre foi assim? Será que a beleza feminina sempre foi pintada dessa forma? No livro “A Terceira Mulh…

Cirurgias plásticas: profissionais não qualificados põem pacientes em risco

Imagem
Um levantamento realizado pelo Conselho Regional de Medicina de São Paulo deve ser lido com atenção por quem estiver planejando fazer algum tipo de cirurgia plástica nos próximos dias.
Segundo o estudo, que abrange o período de 2001 a 2008, cerca de 97% dos médicos que respondiam a processos ético-profissionais relacionados a cirurgias plásticas e procedimentos estéticos não possuíam título de especialista na área.
Muitos são ligados à chamada medicina estética - área ainda não reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina - mas também haviam médicos de outras especialidades que, aproveitando o ato cirúrgico, realizavam lipoaspirações pontuais, muitas vezes a pedido do paciente.
A lipoaspiração e os implantes de silicone são, segundo o levantamento, os procedimentos mais frequentes nos processos que envolvem médicos não-especialistas. Em virtude deste cenário, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), presidida pelo cirurgião Sebastião Nelson Edy Guerra, iniciou a campa…

Presidenta Dilma faz história e se torna primeira mulher a abrir debate da ONU

Imagem
A presidenta Dilma Rousseff se tornou nesta quarta-feira (21) a primeira mulher a abrir a Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas). Por tradição, desde a primeira sessão, em 1947, o Brasil inicia os debates da ONU, antes do discurso do presidente anfitrião da cerimônia, que neste caso foi Barack Obama.




No evento, realizado em Nova York, nos EUA, a presidenta ressaltou o orgulho que estava sentindo em viver esse momento histórico e afirmou ser este o século das mulheres. “Pela primeira vez uma voz feminina inaugura o Debate Geral. É a voz da democracia e da igualdade se ampliando nesta tribuna que tem o compromisso de ser a mais representativa do mundo”, disse.



Durante um dos momentos mais emocionantes de sua fala, a presidenta disse: “Sinto-me, aqui, representando todas as mulheres do mundo. As mulheres anônimas, aquelas que passam fome e não podem dar de comer aos seus filhos. Aquelas que padecem de doenças e não podem se tratar. Aquelas que sofrem violência e são d…

Anahi revive o drama da anorexia em documentário

Imagem
Atriz e cantora participa do primeiro episódio de série de TV que visa alertar e esclarecer sobre a doença Publicidade

Durante entrevista para uma série de televisão chamada Obsessões, corpos que gritam, Anahi voltou a falar sobre o inferno que viveu por cinco anos, quando sofria com anorexia.
"Eu via isso como normal, porque tinha que esta sempre bem para ir na televisão", declarou a ex-RBD no primeiro capítulo do programa, que será lançado no Brasil em 22 de setembro.
A atriz e cantora relembrou que chegou a pesar 35 Kg, e chegou a viver momentos dramáticos:
"Me acostumei com a doença a ponto de estar feliz com a minha magreza. Eu não percebia que meu corpo estava gritando por socorro. Com o tempo, meu corpo já não aceitava alimentos até que o meu coração parou por oito segundos." ."Quando acordei, vi meus pais sofrendo... Eu queria lutar para sobreviver e me tornei uma guerreira”, relembrou.
Sempre refém das cobranças feitas pelo mercado, Anahí chegou a ad…

As mulheres e a cidade

Imagem
Se as mulheres da elite, no Brasil, viviam recolhidas, a grande reviravolta aconteceu quando elas começaram a dar as caras. Primeiro, aparecendo diante das visitas, em sua própria casa. Segundo, passando a frequentar lugares públicos, como teatros. Terceiro, saindo às ruas. Mas tudo foi muito lento. A mudança se inicia no reinado de dom Pedro II, nas últimas décadas do século XIX. E no contexto da elevação do grau de urbanização do país e da modernização de nossas principais cidades. O Rio se expande, São Paulo dá um salto, as mulheres começam a se soltar.




Um sinal claro dessa transformação é visível na supremacia que o médico passa a ter sobre o confessor (o sacerdote foi, por cerca de três séculos, confidente e guru das fêmeas senhoriais; agora, a palavra do médico, com sua leitura objetiva do corpo feminino, valia mais: o corpo se tornava uma entidade mais real, mais tangível, o que significou uma alteração relevante na visão da mulher). Outro sinal está na intensidade assumida p…

Cirurgias de redução do estômago aumentam 150% em 7 anos

Imagem
Daniel Favero

As cirurgias bariátricas, popularmente conhecidas como de redução de estômago, realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) aumentaram 150% em sete anos, segundo o Ministério da Saúde. Entre 2003 e 2010, os procedimentos passaram de 1.778 a 4.437 ao ano. Ainda segundo a pasta, o atendimento inclui exames preparatórios, e até mesmo cirurgia plástica (das quais não foram fornecidos números), além de orientação nutricional e psicológica.



Entretanto, para que a cirurgia seja recomendada, o paciente deve ter mais de 18 anos, além de passar por um tratamento de dois anos com avaliação de equipe multidisciplinar. Caso não haja sucesso na perda de peso, a cirurgia só indicada, mas apenas para pessoas com Índice de Massa Corporal (IMC) superior a 40 kg/m². O calculo é feito ao dividir o peso pela altura ao quadrado.



Segundo o Ministério da Saúde, também é recomendada a cirurgia em casos de diabetes, hipertensão arterial, apnéia do sono, hérnia de disco e outras doenças associad…

O Corpo e o Consumo na contemporaneidade

Imagem
A experiência do corpo é sempre modificada
pela experiência da cultura.
Joana de Vilhena Novaes. 2006



Corpo objeto, corpo suporte, corpo sujeito, corpo cultura, corpo mídia. Tudo é corpo. O corpo está onipresente na mídia e podemos encontrá-lo de várias maneiras. O discurso dos meios de comunicação e das artes, em geral, gira em torno do corpo. A obsessão com o culto ao corpo,

a multiplicação de artigos sobre dietas, regimes e atividades que modelam o corpo, a disseminação das clínicas estéticas e de cirurgia plástica, de lipoaspiração, de implante de silicone nos seios, de botox para atenuar as marcas de expressão na face, levam ao excessivo consumo do corpo na mídia.

O corpo passou a ser um valor cultural que integra o indivíduo a um grupo, e ao mesmo tempo o destaca dos demais. Ter um corpo “perfeito”, “bem delineado”, “em boa forma” consagra o homem e representa a vitória sobre a natureza, o domínio além do seu corpo, o controle do seu próprio destino. A gordura, a flacidez, o s…

Mulher morre após injetar gordura bovina no rosto

Imagem
Uma mulher do Reino Unido, viciada em cirurgias plásticas, morreu aos 63 anos após injetar gordura de carne derretida em seu rosto. Ela já tinha feito o procedimento, além de inúmeros outros, diversas vezes, mas nesta ocasião sentiu a face queimando e decidiu ir ao hospital.




Lá chegado, os médicos descobriram que ela estava com uma infecção bacteriana nas paredes do cólon. Apesar das inúmeras tentativas dos médicos em salvar a maluca, ela não resistiu a infecção e morreu.

Segundo relatos, seu rosto era grotesco e ela tinha cicatrizes de injeções anteriores. Ela estava obcecada por auto-injeções e há algum tempo vinha fervendo carne bovina e extraindo a gordura derretida para injetar em volta da boca e queixo.




Ainda não se sabe se a infecção foi causada pelas maluquices que ela aprontava para tentar se manter jovem e bonita, mas especialistas alertam sobre os perigos de infecção por bactérias e o ferimento de nervos e vasos sanguíneos, além de diversas outras reações provocadas por “…

Espanha quer bloquear sites que promovam distúrbios alimentares

Imagem
Depois de o Twitter recusar o bloqueio de mensagens que incentivam a anorexia e bulimia nervosas, o ministério da Saúde espanhol decide levar o caso à União Europeia.

Segundo o porta-voz do ministério da Saúde de Espanha, o governo pediu à rede social para que este tipo de mensagens fossem bloqueadas, mas como não obteve resposta positiva, decidiu levar o caso ao Conselho de Ministros da Saúde da União europeia.

“ O objectivo é conseguir uma petição para que o twitter e outras redes sociais sejam responsáveis e bloqueiem este tipo de mensagens no mural”, alerta o porta-voz.

Segundo a mesma fonte, “este problema não é apenas nosso, é muito mais amplo e pode prejudicar a saúde de muitos jovens”.

A decisão do Conselho de Ministros da Saúde da União Europeia, sobre esta matéria, será dada a conhecer no próximo mês.

Disponivel: http://www.ionline.pt/conteudo/148068-espanha-quer-bloquear-sites-que-promovam-disturbios-alimentares acesso em 16 de setembro


Feministas denunciam publicidade sexista em data comemorativa

Imagem
Fonte: http://www.vermelho.org.br/se/noticia.php?id_secao=8&id_noticia=164158 acesso em 16 de maio

16 de Setembro de 2011 - 16h36
Do site Portal Vermelho









Exposição do corpo feminino de forma acentuada, mulheres mostradas apenas como frágeis, doces e românticas ou como simples objeto de desejo masculino. Esses são exemplos de situações sexistas observadas em alguns anúncios publicitários. O tema foi lembrado esta semana por organizações feministas por ocasião do Dia Internacional da Imagem da Mulher nos Meios de Comunicação – 14 de setembro.

As cervejarias são uma das mais denunciadas por publicidade sexista.



Em um documento publicado no sítio da Federação de Mulheres Progressistas, as feministas chamam a atenção para propagandas em que as mulheres aparecem como público exclusivo, mesmo que o produto seja para uso masculino e feminino. Outro caso de anúncio sexista é aquele em que a mulher é invisível, ou seja, a propaganda utiliza apenas o masculino para se referir aos dois gên…

Os distúrbios de autoimagem e o consumo

Imagem
Texto de Vinícius Jesus

3º Ano / AV6 Colégio Antares

O consumo pode ser realizado por causa de uma necessidade ou de um desejo. O objetivo da indústria estética, é transformar um desejo em uma necessidade, e isso é feito por meio dos padrões de beleza criados por essa indústria.
Os desfiles e a propagandas, por exemplo, realizadas pelas marcas de roupas e de cosméticos, são os responsáveis pela criação do padrão de corpo magro para as mulheres e de corpo definido para os homens.
O problema não é o desfile nem a propaganda, mas a insatisfação com a autoimagem das pessoas que não se enquadram no perfil ideal. Pessoas que fazem o que for necessário para seguir as tendências da moda vestuária e física passam a utilizar recursos cirúrgicos, para alcançar o que se chama de ideal. O uso demasiado desse recurso, que deveria ser empregado para corrigir falhas biológicas, genéticas ou pós-cirúrgicas causa distorção física e facial, além disso o paciente já perdeu todo o senso de personalidade e expr…
Imagem
Se você procurar no dicionário qual é o significado de beleza, vai encontrar: “harmonia de proporções, perfeição de formas”. Mas essa interpretação do belo é muito subjetiva. E fica ainda mais complicado chegar a uma definição quando se trata de concursos de beleza como o Miss Universo, que acontece em São Paulo na próxima segunda-feira (12). Afinal, como escolher a mulher mais bonita do mundo entre tantas mulheres lindas?



“Existe uma coisa chamada carisma, que nem todo mundo tem”, diz Boanerges Gaeta Júnior, diretor do Miss Brasil. Não adianta ser linda e ser “apagada” e “sem sal”. “Uma moça nem tão bonita, se tem atitude, luz, vida, aparece mais que as outras. O diferencial é esse”, diz Gaeta Jr. Para o diretor, para vencer um concurso como o Miss Universo uma mulher não pode ser gorda, mas também não pode ser esquálida, e tem que ter personalidade, presença.



Mas a beleza vai além das proporções e do ‘algo mais’. A antropóloga e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro,…

CONCURSO DE MISS ITÁLIA 2011 BUSCARÁ SIMPLICIDADE

Imagem
4/9/2011 18:45, Por Ansa
ROMA, 2 SET (ANSA) – A responsável pela realização do Miss Itália, Patrizia Mirigliani, afirmou hoje que no próximo concurso, que acontece nos dias 18 e 19 de setembro, o que será buscado é “simplicidade, equilíbrio, graça e elegância, tanto física como espiritualmente”.
Sessenta candidatas participarão do concurso, que será dividido em dois dias e terá transmissão, ao vivo e em horário nobre, da emissora Rai1. A madrinha do evento será a ex-modelo e atriz espanhola Inés Sastre.
De acordo com Mirigliani, as candidatadas desse ano além de bem informadas são “independentes, estudadas, e cerca de 70% delas praticam esporte”. O júri da 72ª edição do Miss Itália será composto por personalidades do mundo da moda e da beleza, da cultura, do esporte, do entretenimento e do jornalismo. Para o concurso desse ano, a organização vetou as candidatas que fizeram cirurgias plásticas. As participantes também não podem usar apliques de cabelo e lente de contatos. Além disso,…

A obsessão das coreanas pela magreza

Imagem
Home » Direto da Coreia Direto da Coreia
Françoise Terzian (fterzian@brasileconomico.com.br)

02/09/11 21:28



Para evitar qualquer raio de sol, um grande número de mulheres só caminha com camisetas de manga longa, luvas e até mesmo lenços tampando o rosto



Corpo magro não é suficiente. As coreanas também apreciam uma pele branca porcelanizada.



Com exceção dos lutadores de sumô, a imagem que a maioria dos ocidentais tem dos asiáticos é a de um povo naturalmente magro, saudável e acostumado a uma dieta rica em verduras, peixes e chás, com raros doces em sua culinária.

Quem desembarca na Coreia com essa mentalidade leva um susto ao descobrir que, por trás de cinturas finas e barrigas lisas, há um verdadeiro culto a dietas severas e várias caminhadas ao dia.

Um número grande de coreanas, principalmente as mais jovens, alimenta uma verdadeira obsessão por corpos extremamente magros, o que as leva a comer pouco e a evitar sorvete até mesmo em verões escaldantes.

Algumas chegam a se horroriza…

Propaganda de cerveja mira cada vez mais as mulheres

Imagem
Campanhas de cervejarias substituem a figura da mulher-objeto por uma presença feminina mais atuante, que bebe com o parceiro

Carolina Guerra







Abordagem mais equilibrada da mulher nos comerciais de cerveja é tendência mundial (BananaStock RF/Getty Images)



Por vários anos, a combinação “cerveja gelada e mulher quase pelada” foi intensamente explorada por publicitários como uma espécie de fórmula mágica para vender a bebida. Essa predileção, no entanto, começa a fazer parte do passado. Finalmente, cervejarias e agências de propaganda parecem ter percebido o quanto as mulheres se incomodam em ser tratadas como objeto nos comerciais. Mais que isso, elas passaram a temer a reação destas consumidoras (confira a seleção de filmes). "Nas propagandas antigas, a mulher era retratada como um prêmio para o homem que escolhia determinada marca. Agora, perceberam que a fórmula está batida", afirma Selma Felerico, professora da Escola Superior de Propaganda e marketing (ESPM).



Quanta dife…

Mary del Priore - Historiadora debate Barbie, aborto, erotismo e os mitos que a mulher leva para a cama

Imagem
18.07.2011 Texto por Nina Lemos Fotos Martin Ogolter
 


A historiadora Mary Del Priore, 59 anos, odeia a boneca Barbie. Explica-se. Segundo ela, foi com a chegada da boneca da Mattel ao Brasil, nos anos 70, que a mulher brasileira começou a ficar obcecada em ser loira, magra, consumista. “A Barbie ensina as crianças a serem putas”, diz essa senhora distinta, autora de 29 livros, o mais recente deles, Histórias Íntimas, um panorama sobre o erotismo e a intimidade no Brasil. Mary é uma especialista em história brasileira com todas as credenciais de intelectual de sucesso. Foi professora na USP e fez doutorado na França. Mas ela gosta mesmo é de contar histórias, seja em romances ou em livros como Corpo a Corpo com a Mulher ou História do Amor no Brasil, ambos com mais de 40 mil exemplares vendidos. Sim, Mary é uma escritora de best-seller (o seu mais recente livro ocupava até o fechamento da edição o primeiro lugar na lista dos mais vendidos de não ficção) que não se c…