quinta-feira, 14 de abril de 2011

Califórnia terá lei contra escova progressiva "brasileira"

Produto criado por empresa americana tem formol, componente que já é proibido no Brasil

Os tratamentos estéticos brasileiros são conhecidos em todo o mundo. De cirurgias plásticas a escovas progressivas, as brasileiras são sinônimo de inovação quando o assunto é beleza.
Aproveitando a onda, uma empresa norte-americana lançou nos Estados Unidos o produto Brazilian Blouwout Zero, ou escova brasileira, em tradução livre.
Logo que chegou às prateleiras, o kit à base de açaí fez o maior sucesso. Prometendo cabelos lisos, hidratados e sem frizz, os produtos de uso profissional agora correm perigo e devem ser proibidos pela justiça da Califórnia, nos Estados Unidos.
Segundo a justiça local, a empresa é acusada de esconder de seus clientes que o produto contém formaldeído em sua formulação, um componente químico que pode causar câncer. Em outras palavras, o tal formaldeído é, na verdade, o formol.
No pedido de proibição nos Estados Unidos consta que o produto libera grandes quantidades do componente em forma de gás, o que é extremamente perigoso para a saúde. Um dos principais problemas enfrentados pela empresa é que as embalagens não avisam sobre a fórmula.
A empresa responsável pelo produtos tem 30 dias para regularizar a situação e recorrer do pedido.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) proibiu o uso de escovas com formol no Brasil.

Disponivel; http://entretenimento.r7.com/moda-e-beleza/noticias/california-tera-lei-contra-escova-progressiva-brasileira-20110413.html acesso 14 de abril

NOSSA IMAGEM SEMPRE É QUESTIONADA AO FALARMOS DE QUALIDADE??????

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ONG explica campanha feminista com Cruzeiro, que vira destaque internacional

Ação é tida como a primeira de uma sequência de etapas de conscientização   João Vítor Marques /Superesportes  ,  Tiago Mattar /Superes...